Gigantes tchecos… Conheça os gigantes tchecos

Gigantes tchecos… Conheça os gigantes tchecos

Você sabe onde procurar o mais alto ou o maior da República Tcheca?

HomeWhat's NewGigantes tchecos… Conheça os gigantes tchecos
Cada lugar no mundo pode se orgulhar de que tem de melhor. Embora a República Tcheca seja um país menor no centro da Europa, onde há escassez do que há de melhor do mundo, recordes são encontrados aqui, pelo menos em escala regional. Hoje vamos apresentá-lo a alguns detentores de tais títulos.

Mais alto e mais baixo

Alguns recordes são claros. O ponto mais alto simplesmente não vai mudar. A montanha mais alta da República Tcheca pode ser encontrada nas montanhas Krkonoše e é a Sněžka com seus 1.603 metros. No entanto, o ponto artificial mais alto feito pelo homem está em outro lugar, nas montanhas Jeseníky. É o topo do transmissor em Praděd com 1.638 metros. E para onde ir o mais baixo possível? O ponto mais baixo natural é o Abismo de Hranice na Morávia. A parte seca do abismo tem apenas 70 metros, mas abaixo está a parte inundada. O homem ainda não chegou ao fundo, mas já sabemos que o fundo está a mais de 1 km abaixo da superfície da terra. E isso faz do Abismo de Hranice a mais profunda caverna de água doce inundada do mundo! E um ponto artificial feito pelo homem? Esta é a antiga mina de urânio em Příbram, onde as pessoas perfuraram a uma profundidade de 1.838 metros.

As torres mais altas

As torres mais altas são fáceis de medir. Muito mais fácil do que montanhas ou lugares em minas. Tudo o que você precisa fazer é erguer-se nas fundações do prédio e apontar o laser para o céu… A torre de castelo mais alta é a torre Spanilá no castelo de Tovačov, perto de Olomouc, com seus 96 metros. Porém, se contarmos com as torres de igreja, ela é superada pela torre da igreja de São Bartolomeu em Plzeň, na Boêmia Ocidental, com seus 102 metros. A segunda torre mais alta de igreja é a torre da catedral de São Venceslau em Olomouc, que mede 101 metros. Detém o terceiro lugar com seus 96 metros a torre principal da Catedral de São Vito no Castelo de Praga – e, a propósito, nela também está pendurado o maior sino tcheco Zikmund. Trata-se de um recorde a cada centímetro: data de 1549, tem mais de dois metros de altura, tem um diâmetro de 256 centímetros e pesa cerca de 16,5 toneladas. Porém nenhuma das torres superará um edifício técnico, nomeadamente a Torre de Televisão de Praga, onde o ponto mais alto está localizado 220 metros acima do solo. No entanto, o edifício mais alto de toda a República Tcheca são dois transmissores de 355 metros de altura. Na paisagem da Boêmia Central, perto de Český Brod, eles são realmente imperdíveis.

Os mais altos e maiores diques e barragens

Também as represas e suas barragens podem ser medidas com precisão semelhante. Então, por exemplo, sabemos com segurança que, com 100 metros, a barragem de vertedouro mais alta é a da represa Dalešice no rio Jihlava na região de Vysočina. Você pode cruzar a barragem mais longa na represa Nechranice, no oeste da Boêmia. Mede 3.280 metros e suas fundações não são menos imponentes, têm 800 metros de largura. A uma profundidade de 91 metros você pode olhar da barragem da represa Orlík, na fronteira das Boêmias Central e do Sul, que tem a barragem de concreto mais alta da República Tcheca e é também a represa com o maior volume de água retida. Lipno, na Boêmia do Sul, tem a maior área de superfície de água– quase 50 km2.

Igrejas e catedrais: as mais altas, mais largas e mais longas

Você conhece a maior e mais importante igreja católica romana tcheca? Se você se lembrou do Castelo de Praga e da Catedral de São Vito, tem um ponto pela resposta certa! Mede 124 metros de comprimento e 60 metros de altura. Em segundo lugar está a Igreja da Assunção da Virgem Maria e de São João Batista em Sedlec, perto de Kutná Hora, que tem 92 metros de comprimento e 41 metros de largura. O terceiro lugar pertence à Igreja da Assunção da Virgem Maria, São Wolfgang e São Benedito em um mosteiro em Kladruby. Tem 91 metros de comprimento e 31 metros de largura. Podemos apenas estimar como seria a classificação dos edifícios mais longos e maiores se no passado tivesse sido concluída a Igreja de Nossa Senhora das Neves em Praga. O templo de hoje é apenas o presbitério originalmente planejado. Se a nave tivesse sido concluída de acordo com os planos góticos originais, a igreja teria mais de 100 metros de comprimento. Sua abóbada, a mais alta de todas as igrejas de Praga, também é imponente. Mede cerca de 34 metros, um metro a menos que a abóbada da Catedral de São Vito. E originalmente chegou a atingir uma altura de mais de 40 metros, foi reduzida apenas durante modificações posteriores. Mas a história não sabe se…