Conforto de inverno: 4 cidades para esquentar-se no inverno

Conforto de inverno: 4 cidades para esquentar-se no inverno

Aproveite o clima de incomparáveis cafés, visite o teatro ou confira a maior sinagoga da República Tcheca.

O inverno chegou e, com ele, veio também a dúvida de todo os anos: onde se proteger do frio na cidade? É por isso que preparamos algumas dicas do que fazer em Praga, Brno, Olomouc e Pilsen durante o inverno.

Praha: cafés com clima

Praga tem vários locais para se proteger de climas não muito amigáveis. É exatamente para isso que recomendados os famosos cafés de Praga. Não deixe de visitar o café Kavárna Slavia durante os seus passeios congelantes pela cidade. Pode ser encontrado na margem direita do Moldava em frente ao Teatro Nacional (Národní divadlo) e das suas janelas podem ser vistos o Castelo de Praga (Pražský hrad), o rio Moldava e o bairro Malá Strana. Uma verdadeira joia cafeteira pode ser encontrada no edifício Dům U Černé Matky Boží (Casa da Madona Negra), o auge da arquitetura cubista tcheca. Bem aqui, funciona o renovado Grand Café Orient, que é o único café cubista de todo o mundo. Um inigualável clima do início do século XX paira sobre o Café Louvre da avenida Národní. O inverno parece que foi feito para a visita de museus e exposições. Até 11 de janeiro, o Museu Kampa coloca à disposição uma exposição dedicada ao líder do cubismo tcheco, Emil Filla. No entanto, com certeza não errará caso decida visitar a Galeria Nacional (Národní galerie) ou o Museu Franz Kafka.

Brno: pérolas do funcionalismo

Os cafés de Brno também são sedutores durante o inverno. Por isso, experimente o Savoy Café da esquina da Praça Jakubské com a rua Běhounská. Bem na praça Zelený trh, encontra-se o melhor da cafeteria de Brno: o Cosmopolis Cafe. Caso você queria viver a experiência de estar num café e restaurante funcionalista, trace o seu caminho em direção ao Cafe Era. De lá, você poderá continuar com um passeio na Casa Tugendhat, a pérola do funcionalismo, e, caso tenha tempo, não deixe de visitar também a Casa Stiassni, onde também pernoitou Fidel Castro. Uma programação sedutora é também oferecida pelos teatros Mahenovo divadlo e Janáčkovo divadlo.

Olomouc: o maior conjunto de estátuas da República Tcheca

Olomouc, a segunda maior reserva de monumentos do país, oferece uma série de locais atraentes. Você poderá divertir-se durante um passeio em mosteiros, templos e museus. Não deixe de conferir a Sloup Nejsvětější Trojice (Coluna da Santíssima Trindade) no centro da cidade. Com 35 metros de altura, trata-se do maior conjunto de estátuas da República Tcheca, sendo que até mesmo uma pequena capela pode ser encontrada no seu interior. Dominante em Olomouc é a Catedral de São Venceslau (Katedrála svatého Václava), que pode se orgulhar de ter a segunda maior torre de igreja da República Tcheca (100,65 m), além de ter o maior sino da Morávia. Você poderá esquentar-se também no Muzeu umění (Museu da Arte) ou na lendária taverna Ponorka. Caso goste de ciências, visite a Fortaleza do Conhecimento (Pevnost poznání), o primeiro museu de ciências interativo da Morávia central.

Pilsen: cerveja maravilhosa e a maior sinagoga

Pilsen (Plzeň) é conhecida pelo mundo todo graças à sua cerveja. Um pouco da história da cerveja pode ser conhecido na cidade até mesmo no inverno, seja no Museu da Cerveja (Pivovarské muzeum) ou no subsolo de Pilsen (plzeňské podzemí). Depois, você poderá esquentar-se, por exemplo, na cultura do Salão Burguês (Měšťanská beseda) ou durante a visita ao interior de apartamentos projetados por Adolf Loos, um dos mais destacados arquitetos da Europa Central das primeiras três décadas do século XX. Pilsen também se orgulha da Grande Sinagoga (Velká synagoga) do centro da cidade. É a maior sinagoga da República Tcheca, a segunda maior da Europa e a terceira maior do mundo. Caso queria queimar alguns neurônios, você terá uma excelente oportunidade para isso nesta cidade: visite o centro de ciências Techmanie. No centro da cidade, você poderá subir na torre da Catedral de São Bartolomeu (Katedrála svatého Bartoloměje), que tem 102,26 m de altura. Você não só ficará contente com a vista da cidade que oferece mas também por saber que está visitando a maior torre de igreja da República Tcheca.