Você não tem medo? Visite o ossuário tcheco

Você não tem medo? Visite o ossuário tcheco

Vamos mostrar-lhe lugares onde apenas os mais endurecidos podem entrar.

Você não tem medo? Visite o ossuário tcheco
Você se sente atraído por lugares que assustam os outros? Então inspire-se com nossas dicas! Visite lugares cheios de segredos que lhe darão calafrios na espinha. Vamos levá-lo a misteriosas criptas de igreja e ossuários com decorações literalmente de tirar o fôlego feitas de ossos humanos. Exotismo mórbido no centro da Europa!

Ossuário em Kutná Hora

Kutná Hora é uma cidade antiga na Boêmia Central, perto de Praga. Na Idade Média ricas minas de prata estavam localizadas aqui e a cidade rivalizava com Praga, a capital do Reino da Boêmia, por seu luxo e importância. Milhares de habitantes viviam na cidade e, por isso, após várias epidemias de peste ou depois de guerras, não havia lugar na cidade para um enterro digno de todos os mortos. É por isso que o povo de Kutná Hora decidiu construir um ossuário sob a Igreja de Todos os Santos no cemitério em Sedlec, perto de Kutná Hora. Uma espécie de armazém de ossos de pessoas mortas há muito tempo. O ossuário agora abriga os restos mortais de mais de 40 000 pessoas! A decoração do ossuário é única e bizarra. Lá você encontratá um lustre composto de todos os grandes ossos do corpo humano ou uma decoração feita de omoplatas e quadris humanos. O autor desta decoração incomum até esculpiu aqui sua assinatura em ossos humanos.

Ossuários em Brno e Křtiny

As pessoas na Idade Média apenas enterravam seus entes queridos, nunca os cremavam. Por isso não é de surpreender que cada grande cidade tenha seu próprio ossuário. A metrópole morávia de Brno não é exceção. O ossuário está localizado junto à Igreja de São Tiago e, depois do ossuário de Paris, trata-se ainda do segundo maior ossuário da Europa. Para o descanso eterno estão enterrados aqui os restos mortais de cerca de 50 000 pessoas. Das análises antropológicas realizadas até agora, parece que as vítimas da peste medieval e das pragas de cólera e de eventos bélicos da Guerra dos Trinta Anos no século XVII estão sepultadas aqui. O acesso ao ossuário é limitado para preservar a piedade do lugar, portanto um grupo de turismo não pode acomodar mais de 20 visitantes.



Perto de Brno, na cripta da bela igreja barroca do Nome de Nossa Senhora em Křtiny, encontram-se os restos mortais de aproximadamente 1000 pessoas. Portanto, não é uma das maiores. No entanto, alguns espaços da cripta ainda estão murados até hoje e esperando para serem descobertos. Na cripta você encontrará algo único na República Tcheca. Os doze crânios estão pintados de preto e têm guirlandas pintadas na cabeça e a letra T na testa. Porque isso? Até hoje ninguém sabe…
 

As cidades históricas da Boêmia Central Mělník e Kolín

A Igreja de São Pedro e São Paulo está localizada em Mělník, na Boêmia Central, perto da confluência dos rios Elba e Moldava, os dois maiores rios tchecos. O ossuário, um dos maiores da República Tcheca, pode ser encontrado logo abaixo da capela-mor. A cripta consiste em uma sala gótica austera que contém os restos mortais de 10 a 15 000 pessoas.



Um interessante ossuário barroco foi construído em Kolín junto à Igreja de São Bartolomeu na primeira metade do século XVIII. Um arquiteto desconhecido usou alvenaria nas fortificações da cidade para sua construção. No interior do ossuário encontram-se colunas feitas de restos de esqueletos e um altar barroco. Você pode chegar ao ossuário como parte de um passeio pela catedral de Kolín.